Quando deve ser feita a limpeza do ar-condicionado automotivo?

Confira várias informações interessantes para cuidar melhor do ar-condicionado automotivo

O ar-condicionado automotivo já foi um item de luxo nos carros brasileiros, mas tem se tornado cada vez mais popular nos últimos tempos, equipando até mesmo os modelos mais básicos. No entanto, o conhecimento a respeito do sistema não acompanhou sua popularidade, e muitas pessoas não sabem da grande importância de se fazer, periodicamente, a limpeza do ar-condicionado.

Neste post, mostraremos várias informações interessantes para que você possa cuidar melhor do ar-condicionado automotivoconservando-o e aumentando seu valor de revenda.

Como funciona o ar-condicionado automotivo?

Não pretendemos abordar aspectos mais técnicos nesse tópico, e sim, apresentar os fundamentos básicos do seu funcionamento e o que é necessário para entender a importância da limpeza do ar-condicionado.

O sistema de ar-condicionado utiliza um circuito selado, composto de compressor, evaporador, ventilador, filtros e uma tubulação, e funciona por meio da troca de temperatura com o ambiente.

Assim, o ar externo é captado e empurrado pelo ventilador através do filtro e do evaporador, que estará frio ou quente, dependendo da regulagem, e direcionado para o interior do carro.

A grande questão é que o sistema está localizado no cofre do motor e exposto, constantemente, à poeira, lama e água e, por isso, necessita de cuidados constantes.

Quais são os riscos de não realizar a limpeza?

Os cuidados com o ar-condicionado são importantes, tanto para a conservação do veículo quando para a saúde dos ocupantes. Veja abaixo quais são os riscos.

Para a saúde

A falta de limpeza satura os filtros de sujeira, acumulando bactérias e fungos que podem causar irritações das vias respiratórias e até doenças.

Para o veículo

Com toda a sujeira bloqueando a passagem do ar, o sistema terá que fazer mais esforço para empurrá-lo, tornando todo o processo menos eficiente, podendo, inclusive, aumentar o consumo de combustível, devido ao maior esforço.

Caso a tubulação e o evaporador estejam muito sujos, a troca de temperatura entre esses componentes e o ambiente será prejudicada, fazendo com que o ar-condicionado não resfrie a cabine adequadamente.

Quando realizar a limpeza do ar-condicionado?

Não há um consenso sobre o prazo de troca do filtro e da limpeza completa do sistema, mas a maioria dos profissionais indicam realizar a troca do filtro a cada seis meses, por serem as providências mais baratas e simples de se tomar.

A cada 30 mil km será preciso realizar uma manutenção mais completa, com a limpeza dos componentes e de toda tubulação. Dependendo do estado de conservação, será necessário desmontar as peças e limpá-las separadamente.

Outra dica é pedir uma checagem da situação quando for realizar as revisões periódicas ou após pegar estradas de terra ou barro, que podem saturar o sistema rapidamente.

Há no mercado muitos produtos que auxiliam na limpeza do filtro de cabine, mas o indicado é mesmo procurar um profissional de confiança para avaliar o carro e realizar as manutenções necessárias.

Como vimos, realizar a limpeza do ar-condicionado automotivo nos períodos corretos é muito importante para a saúde dos ocupantes e pode influenciar diretamente no desempenho do automóvel, assim como do próprio sistema.

1 Comentário para “Quando deve ser feita a limpeza do ar-condicionado automotivo?”

  1. Rosendo Poarch em 26/08/2018 @ 1:09 AM

    Opa! Eu seria capaz de falar que já estive neste portal antes, mas depois de ler o teu texto eu percebi que é maravilho para mim. Felicidades abraço.

Deixe um comentário

Anúncios Populares




Carregando...